Diospireiro, Diospyros kaki (Ebenaceae)

 /></a><br />
O diospireiro gosta de um Inverno rigoroso, até 10 graus negativos, mas necessita de um Verão longo e quente para produzir bons frutos. É uma árvore que frutifica nos ramos novos da época, que têm de crescer antes da formação do fruto.<br />
Uma poda formativa excelente é crucial para todos os diospireiros, pois os ramos são fracos, tendem a estalar e quebram facilmente sob o peso de uma boa colheita. Ramos fortes com um grande ângulo com o tronco são essenciais. Deve-se escolher apenas os laterais mais fortes e cortar todos os fracos. Sendo a selecção de ramos tão rigorosa, estabelecer a forma de uma árvore, pode demorar cinco anos.<br />
Posteriormente, necessita de pouca poda de rotina e não tolera nada bem grandes desbastes. Ramos danificados pelo frio ou geada, devem ser removidos no Verão.<br />
Se os frutos forem muito abundantes, devem-se retirar os piores, por causa do peso excessivo e de modo a obter uma colheita com mais qualidade.</p>

<div class=

100 Responses to “Diospireiro, Diospyros kaki (Ebenaceae)”

  1. Genésio Martins

    Plantei um diospireiro em Abril. Já trazia folhas no vaso. Neste momento, fins de Agosto, mantém-se na mesma, isto é não desenvolveu. Será que no próximo ano recupera?

    Segundo caso: Plantei um diospireiro em Novembro do ano passado. Como em meados de Junho ainda não tinha germinado, retirei-o da terra e coloquei-o num vaso. No entanto, em princípios de Agosto, começou a deitar folhas e ramos. Mudei-o para a terra com o torrão inteiro. Apesar das regas, começou a murchar. Será que é passageiro e no próximo ano recupera? Ficava muito grato que alguém me desse uma informação, pois tenho um terceiro diospireiro, já com una anos que carrega todos os anos.

  2. Antonio Rei

    Resposta a Genésio Martins
    Com respeito ao dióspiréiro que plantou em Abril,deixe estar a árvore como está porque do momento que fui plantada tarde já trazia afolha deste ano, agora breve lhes vai começar a cair a folha, em Dezembro ou Janeiro pode-o se tiver altura suficiente se não corte-lhe o pendão a cinco olhos e no ano que vem guie o olho de cima com um tutor ou arejão

  3. Antonio Rei

    Resposta a Genesio Martins
    Com respeito ao diospireiro que plantou o ano passado em Novembro e muito bem, caro a melhor época para a plantação é a partir da Santa Catarina 25 de Novembro até fim de Março se a árvore não arrancou na Primavera é que houve algum problema ou na raiz ou na plantação ela mesmo, mas plante regue de vez em quando e esqueça a árvore quando chegar a época ela vai rebentar

  4. rumatal

    Não me tenho dado mal em podar. Fico confuso porque há quem diga que devemos podar os diospireiros. Caso contrário também ganho tal altura, e quem os apanha. A pior praga ainda parece ser a maldita mosca da fruta ou do Mediterrâneo, como lhe queiram chamar. Gostaria de saber como combatê-la. Obrigado.

  5. Carlos Gomes

    Sr.Antonio Rei
    Queria pedir-lhe ajuda no seguinte sentido: herdei uma quinta na zona de Pombal,a qual tem entre outras árvores de fruto,30 árvores de diospiros plantadas,em virtude de ser uma fruta um pouco sensivel ao manuseamento,e ao armazenamento,que poderei fazer em termos de comerçio das mesmas,e ja agora,tambem em relação aos cuidados a ter com estas árvores.Obrigado.

  6. andre daniel

    boas noites a tosos, caro amigo.
    sou um jovem agricultor da zona de vila real(tras os montes)e gostaria imenso de plantar umas arvores de diospiros de roer, mas dos bons.gostraia que m informar se onde posso comprar as arvores de fruto.se aqui em portugal ou em esana , pois ja estive a investigar que na zona de valencia em espana tem diospiores de roer muito bons.se m podesse aconselhar agradecia lhe imenso.
    obrigado

  7. Antonio Rei

    caro amigo eu aconçelho a poda do diospireiro não por sabedoria mas por esperiencia propria eu tenho diospireiros e todos os anos são podados entre dezembro e fevereiro .Agora com respeito à mosca do mediterranio ou mosca de são josé voçê vai a uma cooperativa agricola da sua zona e pede concelho a un técnico,eu trato com o GARBOL quando o fruto é pequeno e depois quando o fruto já é grande normalmente duas vezes chega.

  8. Antonio Rei

    Respota a Carlos Gomes.
    caro amigo com respeito àos diospireiros ,a nivel poda deve podar desde que apanhe o fruto até fin de Fevereiro sempre eliminando alguns ramos velhos mas cortando-os sempre a 20 ou 30 cm do ramo grosso para ele rebentar no ano seguinte e então nesses novos rebentos corte -os os mais fracos a três olhos e os mais vigorosos a cinco sempre deixando o olho para o exterior, tratar com calda Bordalesa , quando os frutos tiverem o tamanho de uma noz fazer um tratamento com GARBOL contra a mosca do mediterrâneo outro tratamento no fim do Verão e chega.Com respeito a negócio não sei.

  9. Fernando Vieira

    Agradeço o favor de informar quais as propriedades do DIOSPIRO e a que doenças é benéfico .
    Cumprimentos,

    FERNANDO VIEIRA

  10. francisco

    Adoro comer diospiros. Normalmente os diospireiros ja se compram enxertados,existem mesmo varias variedades, mas a minha pergunta é a seguinte: qual é o porta enxerto (vulgo bravo) onde se enxertam os diospireiros? Um amigo meu tem uma arvore que da diospiros lindos, doces e enormes. Gostava de reproduzir uma arvores daquela variedade. obrigado.

  11. joao

    A arvore de diospiros quando esta com frutos nao se deve regar quanto mais se rega mais frutos caiem,quanto aos bichos ,é provocado pela mosca como na outra fruta por causa do clima,eu aqui em frança tenho uma arvore que me da ao 500 a600 por ano e tenho que os dar e vender porque nao posso comer tantos,tambem ja enxertei alguns de outras variedades com bom resultado mas ainda nao dao frutos ,espero que este coselho sirva para alguem e que tenha bom resultado .

  12. joao

    as sementes dos diospiros nascem e podem ser semeados mas quando tiverem tamanho suficiente para serem enxertados devem ser enxertadodos senao dao frutos mais pequenos e asperos os que eu enxertei foram semeados,mas estou a experimentar fazer ganhar raizes a bocados que recuperei da poda estou a espera do resultado .

  13. luis reis

    agradeço que me facultem a indicação de viveirista que tenham diospireiros, para entrega imediata
    obrigado

  14. Manuela Correia

    Gostaria de saber se pode-se enxertar um diospiro de chapa ou se é mesmo de garfo.

  15. Rui Pinheiro

    Como posso podar e quando um diospireiro

  16. Herminia Almeida

    Gostaria de saber como se faz doce e compota de diospiro, já que é um fruto tão bom e rico em benefícios para a saúde…Obrigada.

  17. N Fontes

    Li todos os comentários sobre o diospireiro e aprendi bastante. Obrigado a todos.
    Será que me podem informar como se enxerta um diospireiro ou informar um site onde isso seja explicado?

  18. Raquel

    Existe forma de proteger os diospiros da mosca do mediteranio sem utilizar quimicos? uma rede que protege os diospiros, é possivel?

  19. Raquel

    Existe forma de proteger os diospiros da mosca do mediterrâneo sem utilizar quimicos? uma rede que protege os diospiros, é possivel?

  20. jlopes

    Tive conhecimento, há algum tempo atrás, de uma armadilha para a mosca da fruta – é uma espécie de balde pequeno, tapado, com dois ou três furos, onde se coloca uma ou duas pastilhas no interior que atrairão as moscas e que deverá ser pendurado numa das árvores.
    Uma armadilha será suficiente para algumas árvores.
    Não sei se funciona, mas aconselharam-mo para as laranjeiras.

  21. João Mendes

    Boa tarde,

    onde posso encontrar diospireiros de roer aqui pela zona do Porto? obrigado

  22. Simon

    Qualquer um poderá efectuar facilmente uma armadilha para a mosca da fruta.

    - 1 Garrafa PET transparente 1,5l (vulgar garrafa de água)
    - 1 canivete
    - Arame

    Corte a garrafa de água um pouco acima do meio.
    Em cada uma das metades, deverá efectuar 3 furinhos, 1 cm abaixo do corte, com arame quente por exemplo. Tenha o cuidado de fazer coincidir os furos das 2 metades.

    Agora deverá introduzir a metade superior, invertida sem a tampa, na metade inferior até os furos coincidirem. Deverá unir as duas metades com o arame, usando os furos para esse efeito.

    Seguidamente é só colocar um pouco de água com melaço ou açúcar dentro da armadilha e pendura-la na árvore. As moscas entram, mas já não saem.
    Boas capturas.

  23. Simon

    Ouve lá palhaço, apagaste o meu comentário anterior a propósito do quê? Achas que não tenho mais nada que fazer, para vir para aqui, escrever algo que até me pareceu bem a propósito, para depois merdas como tu não darem o devido valor? Para além disso devias dar-te ao respeito.
    Com certeza deves ter armadilhas como a que descrevi à venda, e para não te arruinar o negócio… mais vale prevenir.

    Cumps, palhaço. Podes apagar mais este.

  24. Rosa Maria

    Normalmente os enxertos são feitos a partir de marmeleiro.Quanto ao diospiro maçã há um viveirista perto do Castêlo da Maia que vende as arvores já enxertadas

  25. José Rui Fernandes

    Caríssimo Simon, não apaguei comentário nenhum, apenas não o tinha aprovado pela simples razão de ter “abandonado” o blogue durante várias semanas. Agora, depois de aprovado o primeiro, os seguintes já não necessitam da minha aprovação, pode comentar o que desejar. Está a entender? Não é nada de pessoal.
    Mas se vier para aqui insultar-me e tendo em conta que o insulto lhe ocorre naturalmente e a propósito de nada e coisa nenhuma, não só apago, como o coloco na lista daqueles que nem chego a ver o que comentam. Está a ver a ideia? Obrigado por ter comentado e lamento o mal entendido.

  26. seabra

    Boa noite. Tenho um diospireiro de 2/3 anos,aqui na zona de Alcochete (estremadura) que no ano passado,pela 1º vez, deu três diospiros. Este ano estava cheio de coroazinhas verdes,( não sei bem o nome técnico) e eu pensava que ía ter mais diospiros este ano e acontece que essas coroazinhas começaram a cair e fiquei sem nenhuma no diospireiro. Dessas coroas é que vai nascer o fruto,penso eu. O que teria acontecido para cairem, Sr. José Fernandes? Faço a rega,agora, em Maio, duas a três vezes por semana. As folhas também estão verdes amareladas com algumas pontas acastanhadas e com pintas castanhas. Obrigada

  27. catarina

    tenho um diospireiro que no 2º ano deu flor e tinha já fruto mas partiu-se com o vento, ficou só o tronco,voltou a crescer está uma árvore linda e já passou mais 2 anos e nao voltou a dar flor. nao sei o que se passou com ele, gostaria que me esclarecessem.Obrigada

  28. José Rui Fernandes

    O diospireiro é uma árvore mecanicamente fraquíssima e partir grandes pernadas com o vento ou o próprio peso dos frutos é normal… se partiu o tronco, eu diria que continua sob stress e em recuperação. Dentro do anormal que é uma árvore perder a copa toda, diria que não dar flor durante um bom tempo é normal.

  29. laura seabra

    Sr. José Fernandes pode responder à minha questão do dia 1 de Junho, se faz favor. Obrigada.

  30. Elisabete Oliveira

    Boa noite, neste momento estou com o mesmo problema que o sr. Seabra!! O diospireiro teve bastante frutos que foram caindo e agora só sobrou meia dúzia! :( As folhas dele apresentam-se verdes amareladas com pontas castanhas!! Será algum fungo? Gostaria que ajudasse! Obrigado

  31. Paulo Coelho

    Boa noite
    Tenho andado intrigado com o que se passa com o meu diospireiro, tem mais de 30 anos, mas sempre deu grandes quantidades e bons. Acontece que este ano está carregadissimo, mas estão a cair todos já formados e grandinhos.Haverá alguma razão para isso?

  32. Rui Duarte

    Caríssimo senhor:

    Tenho um diospireiro com 5 anos, de porte pequeno. O ano passado deu imenso dióspiros. Este ano também carregou bem e os frutos estão a cair a uma média de 10 por dia. Mais uma semana e fico sem frutos. A região é ventosa, mas nunca me aconteceu tal coisa. Os frutos descolam daquela parte junto ao pé, uma espécie de coroa.
    As folhas da árvore estão normais.
    Qual será o problema?
    Obrigado.

  33. Helder Santos

    Boa tarde Sr. José Fernandes,

    Nos arredores de Santo Tirso,Porto ou Braga, conhece algum local onde dêem formação para podas de frutíferas. Contate-me se souber, estou interessado.
    Obrigado

  34. Helder Santos

    Boa tarde Sr. José Fernandes, na verdade sinto alguma paixão por variadíssimas fruteiras, mas em termos de podas não conheço as regras! Herdei um terreno em que têm várias árvores de fruto,tais como 3 macieiras ( de 3 qualidades); 3 pessegueiros(3 qualidades); 3 laranjeiras(de 3 qualidades);tangerineiras e 1 diospireiro , todas as árvores com +/- 30 anos.
    Há 2 anos atras fiz uma “poda severa” no diospireiro, pois já estava com uma altura da casa!Mesmo assim no ano asseguir deu uns 20 diospiros e este ano este ano tem no mínimo o triplo.Certo é que não se tem feito, nem anteriormente se fazia qualquer tratamento. O tronco principal com cerca de 2 metros parece-me mt mal tratado a nível de casca do tronco, parece-se com um solo em seca estrema, tem também muito musgo. O que devo fazer?

  35. Helder Santos

    Boa tarde novamente, em relação às 3 macieras existentes, todas elas não conhecem qualquer tratamento à uns 10 anos e como têm cerca de 30 anos. As ramificações ao longos dos anos foram crescendo livremente sem qualquer poda que atingiram cerca de 4 metros. Todas as maçãs que cresciam, e eram bastantes caíam de podres. O ano passado em Outubro/Novembro resolvi fazer-lhes cortes radicais em que as rebaixei de forma a ficarem com cerca de 3metros. Será que fiz bem? ( Do inicio do tronco até ao inicio da copa vão para aí 2,30). O certo é que neste momento elas estão repletos de novas ramificações e com o máximo de 3 maças em cada macieira. Como não fiz qualquer tratamento, porque também não sabia bem o que lhe deitar, agora em alguns ramos estão a crescer uma espécio de fungo que parecem bolas de algodão! Devo proceder a algum tratamento neste momento? Se quiser posso-lhe enviar fotos. Aguardo indicações.
    Obrigado

  36. Helder Santos

    Sr. José Fernandes, será que pode responder qualquer coisita?

  37. José Rui Fernandes

    Bolas de algodão é o piolho lanígero… se tiver paciência pode pincelar com um óleo vegetal e eles morrem. Senão, terá de ser tratamento químico…

  38. José Rui Fernandes

    Sobre diospireiros sei pouco… é uma fruta que não gostamos muito cá em casa. E tenho tido pouco tempo para me dedicar a estes assuntos…

  39. Helder Santos

    Vou tar de ter mesmo mta paciência, são enormes as árvores.
    Oleo tipo “fula” de fritar as batatas , serve?

  40. Fernando Candeias

    Muito Blá, Blá, Blá. Mas quais os meses em que se deve enxertar e Como? de borbulha ou de garfo.

  41. francisco mendes

    Se enxertar de garfo sera em dezembro /janeiro, dizem aqui que se enxerta em marmeleiro,sera possivel? de borbulha presumo que nao deve resultar,mas esse tipo de enxertia é feito entre junho e agosto.Tb quero saber acerca da enxertia porque tenho na familia quem tenha uma arvore iomponente com frutos gigantes e deliciosos.

  42. francisco mendes

    Sobre as armadilhas artificiais,pendure um garrafao de plastico meio de agua de bacalhau,com meia duzia de furos feitos com um ferro quente,na zona de cima que esta vazia e vai ver que as moscas vao la cair dentro,atraídas pelo cheiro fedorento do bacalhau e nao atacam os frutos.

  43. francisco mendes

    No diospiro a picadela da mosca tem um efeito diferente,enquanto no pessegueiro depois da picadela se desenvolvem imensas larvas ,no diospiro fica uma mancha escura que provoca uma ligeira deteoraçao da zona picada, o fruto amadurece quase normalmente,mas nunca vi larvas

  44. A. Santos

    Eu tinha dúvidas quanto á poda, relativamente á época e à forma. Depois de ler todas estas informações devo dizer que fiquei esclarecido o que muito agradeço. Um abraço a todos, e um bom Natal.

  45. Jorge Morgado

    Eu tenho um diospireiro no meu jardim com cerca de 7 anos.
    Tive que fazer umas obras,e agora talvez o tenha que o tirar.
    Pergunta,as raízes desta árvore tem tendência em vir a superfice ??
    Vou colocar um chão á volta e tenho medo que esta o venho
    a danificar daqui alguns anos.
    Agradeço a vossa resposta

  46. Carlos Martins

    Quanto à queda do fruto em verde no mês de Junho, trata-se de uma monda natural que a própria árvore efectua para auto-protecção. Esta monda natural é vulgar em diversas espécies de árvores frutíferas, nomeadamente a ameixoeira.
    É natural os diospireiros não darem fruto no lado da árvore virado para norte ou que fique durante longos períodos à sombra. O ideal é que a árvore fique totalmente ao sol pois é uma árvore que gosta de muito sol e calor.
    Em certos anos, mesmo o lado norte ou à sombra fica carregado de frutos, no entanto nada se poderá fazer para evitar a queda quase total ao longo dos meses seguintes.
    Árvores que toleram a sombra: Pereiras e Macieiras.
    Quanto à poda do diospireiro, a minha experiência de já vários anos é que deverá ser anual e ligeira, cortando os ramos fracos ou muito longos para evitar fracturas.
    Árvores muito altas dão frutos pequenos.
    O diospiro dá-se bem em terra arável que deverá ser enriquecida preferencialmente com estrume ou um adubo completo. Um suplemento de ferro em terras não argilosas ou demasiado húmidas também deverá ser aplicado duas vezes por ano.
    Duas boas regas semanais são suficientes.
    Quanto ao bichado, emgeral são moscas da fruta que atacam o fruto a partir de Agosto. Poderá optar-se por tratamento químico em Julho, ou aplicação de armadilhas com feromonas a partir do início de Agosto.
    Utilizo feromonas, no entanto não é suficiente a aplicação de uma armadilha por árvore. Outras armadilhas deverão ser distribuídas também pelo terreno.
    Quanto aos diospireiros de roer, é mais um mito que verdade.
    É raro conseguir-se um diospireiro de roer.
    Em Espanha e também já em Portugal, é efectuada a apanha do fruto já grande em verde e é colocado numa câmara de amadurecimento rápido com gás metano, resultando no dióspiro de roer. É uma forma de colocar dióspiros mais cedo no mercado comercial com o conveniente que apanhando o fruto mais cedo, não é tão sujeito ao ataque da mosca da fruta.

  47. Milú Figueiredo

    Parabens pelas vossa dicas, pois fiquei exclarecida das duvidas que tinha, visto ser uma agricultora da cidade embora tenha um montinho ……no Alentejo há cerca de 13 anos, e os conhecimentos que vou aquirindo é através destes sites. obrigado

  48. manelgomes

    Gostei dos vossos comentários
    a quem souber, obrigado
    não vi nenhum que dissesse ter conseguido plantar uma vara e como fazer para ter sucesso.
    será que as varas novas ainda na érvore ganham raizes?
    manel

Leave a Reply

Basic HTML is allowed. Your email address will not be published.

Subscribe to this comment feed via RSS