Negação implausível +

Príncipe Harry segue as pisadas do pai na protecção da natureza
Daily Mail. Algumas fotografias de três meses passados em África a trabalhar com elefantes e rinocerontes. Royal Central.

Mais uma ilha de plástico no Pacífico
DN.

O que plantar em Setembro
Nem tenho cabeça para pensar nisto. Organic Gardener.

Há uma petição para a grande lixeira plástica do Pacífico ser reconhecida como país
Dezeen.

A Sea Shepherd ajuda a polícia de Timor Leste a capturar uma frota de 15 navios de pesca ilegal
Isto chama a atenção para um problema que será muito mais frequente no futuro: As nações poderosas quando esgotarem os recursos, irão buscá-los onde ainda existirem e não haverá nada a fazer. Fish Information & Services.

Freixos e antílopes antes tão comuns, entraram na lista vermelha
The Guardian.

Negação implausível
Diz que há 3% de cientistas que negam o aquecimento global e/ou a sua causa antropogénica. “Every single one of those analyses had an error—in their assumptions, methodology, or analysis—that, when corrected, brought their results into line with the scientific consensus” e também “There is no cohesive, consistent alternative theory to human-caused global warming”, ou seja, esses artigos contradizem-se entre si. Quartz.

Elon Musk revela porque quer ganhar a maior quantidade de dinheiro possível
Para colonizar Marte. Este tipo de tecno-optimismo é capaz de esgotar os últimos recursos da Terra para poder dar o salto para Marte — com alguns eleitos igualmente endinheirados. Faz de facto muito sentido. Já eu se fosse um sul africano cheio de dinheiro, tentava salvar os rinocerontes. Big Think.

Um guia para a reciclagem
“Reciclagem” é uma palavra da qual desconfio hoje em dia. Não compreendo muito bem o que se passa depois de separarmos as coisas e não gosto de coisas que não compreendo. Parece-me que foi um livre trânsito para o consumo desenfreado ser de facto o consumo desenfreado — e de consciência limpa. Earth911.

A Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar fez “copy paste” de parágrafos inteiros de um relatório da Monsanto para que possa ser renovada a licença de venda na Europa
Enquanto esta e outras empresas moralmente falidas e nocivas para as populações continuarem a fazer política, não haverá melhoria no ambiente nem na qualidade de vida. Expresso.

Sobreviver com apenas um alimento
Batatas. Popular Science.

Vamos plantar árvores
Blog Vale da Lama.

O clima está a modificar os alimentos
As plantas estão a produzir mais açucar e menos nutrientes.

Deixe uma resposta

Mantenha-se no tópico, seja simpático e escreva em português correcto. É permitido algum HTML básico. O seu e-mail não será publicado.

Subscreva este feed de comentários via RSS

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.